fbpx

Concurso TJ SP 2021: Novo edital é estudado!

Com o fim da validade do concurso TJ SP para capital e comarcas da 1ª a 4ª Regiões Administrativas, o tribunal afirma estar estudando novo edital! Leia mais:

O Tribunal de Justiça de São Paulo confirmou que estuda um novo concurso TJ SP para escreventes, cargo de requisito nível médio. O órgão analisa a possibilidade de provimentos para comarcas em que não haja seleção em validade.

O prazo de validade do último concurso para Comarca da Capital e nas Circunscrições Judiciárias que compõem a 1ª e 4ª Regiões Administrativas Judiciárias foi encerrado no dia 1º de fevereiro.

Assim, o tribunal já começou a levantar dados para um próximo concurso nessas regiões, mas sem nenhuma definição até então de prazos e vagas.

“O Tribunal de Justiça de São Paulo estuda a possibilidade de abertura de novos concursos para essas regiões, mas, neste momento, não há nenhuma definição”

O TJ SP abriu um concurso com oferta de 590 vagas para escrevente técnico judiciário em 2017, a oferta foi para Circunscrições Judiciárias que compõem a 1ª e 4ª Regiões Administrativas Judiciárias.

Durante o prazo de validade, o tribunal chegou a nomear 1.761 aprovados para o cargo, ou seja, foram 1.171 candidatos a mais que o previsto no edital, reforçando que o TJ SP costuma convocar aprovados no cadastro de reserva para suprir necessidade de pessoal.

Cargos vagos

Segundo dados de dezembro do Portal de Transparência, o Tribunal de Justiça de São Paulo tem 5.695 cargos vagos de escrevente técnico judiciário, que é o cargo com maior carência no quadro de pessoal, seguido por oficial de justiça com carência de 5.204 servidores.

Requisitos escrevente

A carreira de escrevente do TJ SP é muito desejada, exige apenas nível médio completo e os subsídios iniciais são de R$ 4.981,71, podendo chegar a R$ 5.624,12 com as progressões na carreira.

Último concurso TJ SP

O último concurso do TJ SP para escrevente teve o edital publicado em 2017. Primeiro saiu um documento em março com 590 vagas distribuídas por diversas cidades, sendo 400 apenas para capital.

O requisito foi de nível médio completo e a remuneração era de R$ 5.697 composta pelo salário de R$ 4.473,16, o auxílio-alimentação de R$ 924 e o auxílio-saúde de R$ 300.

Foram mais de 230 mil inscritos, a banca organizadora foi a Fundação Vunesp e a avaliação foi por meio de provas objetivas e práticas.

As avaliações objetivas foram compostas por 100 questões de:

  • Português,
  • Direito Penal,
  • Direito Processual Penal,
  • Direito Processual Civil,
  • Direito Constitucional,
  • Direito Administrativo,
  • Normas da Corregedoria Geral da Justiça,
  • Atualidades,
  • Matemática,
  • Informática, e
  • Raciocínio Lógico.

Logo em dezembro do mesmo ano (2017), mais um edital foi publicado com chances para escrevente do Tribunal de Justiça, desta vez para as comarcas do interior e litoral.

Sabendo que existe a possibilidade de um novo edital publicado, é importante se preparar, e quem estuda com antecipação aumenta suas chances de aprovação. Não espere o edital ser publicado pra começar a estudar, comece agora! Conheça o preparatório do Unicursos

Conheça nosso preparatório, conheça nossos cursos preparatórios, entre em contato com nossas consultoras: 

(12) 99250-8784

(12) 99650-4674

3909-5800

Fonte: 

Folha Dirigida



Open chat