fbpx

Concurso TRF 3: edital pode ser publicado em setembro

O aguardado novo concurso TRF 3 (Tribunal Regional Federal da 3ª Região) para vagas de técnico e analista nos Estados de São Paulo e Mato Grosso do Sul está cada vez mais próximo de se realizar.  Um suposto cronograma da seleção tem circulado entre cursos preparatórios, referentes a uma pré-programação interna do órgão que, embora não seja confirmada pelo tribunal, mesmo que não oficial, pode servir ao menos de base aos interessados, uma vez que apresenta prazos bastante razoáveis, em consideração com aqueles normalmente adotados em concursos.

De acordo com essa projeção extra-oficial, a intenção do órgão seria assinar o contrato com a banca, a Fundação Carlos Chagas, em 19 de agosto, o que ainda não foi confirmado, mas pode ter ocorrido, uma vez que a assinatura normalmente ocorre com dias de antecedência da respectiva publicação em diário oficial. Caso este cronograma seja efetivamente concretizado, o edital de abertura de inscrições poderá ter sua publicação em 11 de setembro, com aplicação das provas em 1 de dezembro. Porém, é preciso reforçar que estas datas não são oficiais, mas apenas uma projeção inicial, sujeita a alterações.   Novas informações devem ser confirmadas nos próximos dias.

As carreiras de técnico e analista judiciário são destinadas, respectivamente, a quem possui níveis médio e superior. As remunerações iniciais atualmente são de R$ 8.475,36 e R$ 13.339,30, nessa ordem, já considerando o auxílio-alimentação de R$ 884 por mês.

PREPARATÓRIO TRF 3ª REGIÃO: COMECE AGORA MESMO!

De acordo com a presidente do órgão, desembargadora Therezinha Cazerta, o TRF 3 possui hoje aproximadamente 500 vagas em aberto, entretanto, não haverá disposição orçamentária para preencher todas elas. Por isso, o número de postos autorizados será bem inferior e, segundo a assessoria de comunicação do tribunal, tende a ser de uma vaga imediata por cargo, além de incluir cadastro reserva, de onde deve partir o maior número de convocações, que poderão ser feitas durante o prazo de validade do concurso, conforme as necessidades.

A presidente do tribunal já confirmou que a seleção contará com oportunidades para os cargos de técnicos e analistas, bem como oportunidades na área de informática.

Com relação às áreas de atuação, conforme divulgado pela assessoria de imprensa na ocasião, em primeira mão para o JC Concursos, haverá vagas para técnico na área administrativa, que pede só ensino médio; técnico na área de informática, que requer formação técnica específica; e analista na área judiciária, para quem tem formação superior em direito.

Também haverá oportunidades para analistas, na área de informática. Para técnicos na área administrativa as oportunidades serão para a sede e seções judiciárias de São Paulo e Mato Grosso do Sul. Para analista na área judiciária, sede e seção judiciária de São Paulo, e para analistas e técnicos na área de informática, apenas na sede.

Pode ser que haja, ainda, oportunidades para técnico e analista em outras áreas, como, por exemplo, analista na área administrativa, destinado a candidatos com nível superior em qualquer área. Porém, estas ainda não estão confirmadas.

Fonte: JC Concursos